O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!

O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!
O coração de uma mulher é um oceano de segredos

terça-feira, 18 de julho de 2017

Nascida Sob o Signo de Touro - Florencia Bonelli


Título Original: Nacida Bajo el Signo del Toro

Série Nascidas - Livro 1 

Como romper o feitiço dos seus olhos?
Como acalmar as batidas do coração ao som de sua voz? 
Como ensinar ao seu coração que amar é perigoso?

A vida de Camila sofre uma reviravolta drástica no dia em que a empresa de seu pai declara falência. Um apartamento menor num bairro velho e decadente e um colégio público de jornada simples são algumas das mudanças que deve enfrentar. 

Ela detesta a nova realidade, o que a leva a esconder-se na solidão que lhe oferecem seus livros. Até conhecer sua nova vizinha, uma astróloga que lhe mostrará os mistérios das nascidas sob o signo de touro.

E, a medida que transformações profundas começam a acontecer em Camila, a realidade que tanto desprezava passa a ter uma nova cor. Nela, Sebastián, o garoto mais lindo da classe, e Lautaro, o enigmático melhor aluno, serão os protagonistas. 

O segredo está em conhecer seu coração... 




Palavras de uma leitora... 



"Querida Camila, como pode ver, tudo acontece por uma razão. Pelas mãos de alguém teria que começar seu processo de morrer para renascer."

- Eu também me surpreendi logo que soube que a FB, minha autora preferida e também a maior sádica dos romances que conheço (tudo bem, a Diana Gabaldon compete com ela pelo primeiro lugar de autoras que gostam de torturar seus protagonistas e seus leitores), estava escrevendo livros voltados para o público juvenil. Quase não acreditei, sério!kkkkkkkk... Imaginei como ela conseguiria isso, já que ama cenas para lá de intensas, sofrimentos que nos fazem ficar sem forças de tanto chorar, separações que nos partem o coração e outras coisas mais... Mas, após ler a história de Camila e Lautaro, eu soube como ela conseguiu: mantendo sua dose de crueldade neste livro também.rs Claro que ela pegou mais leve! Mesmo assim, me vi em prantos aqui em alguns momentos, fervendo de raiva em outros e desejando esganá-la por tudo o que fez a Camila passar. Todavia, é claro que terminei a leitura completamente apaixonada e desesperada para ler o próximo livro da série! Nunca. Jamais chegará o dia em que odiarei uma história da minha querida FB. 

"Tinha medo de sofrer."

A vida de Camila não estava indo nada bem. Desde que a fábrica de sua família faliu sua vida parecia andar para trás. Nada dava certo. Teve que se mudar do bairro nobre no qual morava e trocá-lo por um bairro desprezível e uma escola onde sentia-se uma intrusa, deslocada e sozinha. Seus pais não passavam um dia sem brigar e a vergonha pela maneira como agora vivia a levou a se afastar de suas amigas. Seu único refúgio era a leitura. Nos livros encontrava prazer, companhia e paz. Sem eles, já teria enlouquecido. 

E tudo apenas parece piorar quando o novo ano letivo inicia-se. Ela não queria ir. Desejava fugir para o mais longe de todos. Porém, seu lado responsável a obrigou a ir em frente e enfrentar a turma que mal percebia a sua existência. Todavia... aquele seria um ano diferente. Muito mais do que ela poderia imaginar. 

"- Professora, não se irrite. Estou dizendo à Camila, a melhor aluna da turma, que será minha companheira de grupo. Isso deveria alegrar-te, professora. 
- Camila está comigo - O som incomum da voz de Lautaro silencionou o murmúrio permanente da sala, surpreendendo inclusive a docente.
Camila sentiu, ao mesmo tempo, um nó na garganta e o salto de seu coração."

Acostumada a ser invisível desde que começara a estudar na nova escola, Camila não poderia ficar mais chocada com o interesse repentino de dois de seus colegas de classe. Um, aquele que ela amava em segredo, o garoto mais lindo de todo o colégio. O outro, quem ela sempre acreditou que a odiava, pois toda vez que se dignava a lhe lançar qualquer olhar parecia desejar matá-la. Para aumentar sua surpresa, acontecimentos inesperados fazem com que a menina mais popular da escola de repente deseje ser sua amiga. O mundo tinha enlouquecido, talvez? As coisas realmente estavam fora de lugar. E quando uma correspondência entregue na casa errada a faz conhecer sua excêntrica e amorosa vizinha, Camila percebe, por fim, que após aquele ano nunca mais seria a mesma. 

"Seguiu resistindo, tentando invocar a força do touro com a qual havia nascido para escapar. 
- Solte-me! - murmurou por fim. 
- Não! - A puxou sobre si, e as costas de Camila golpearam o torso de Gómez. Seus braços prenderam-na. Debateu-se mesmo sabendo que seria em vão. 
- Solte-me, Lautaro! - exigiu entre dentes.
- Não - teimou e a obrigou a voltar-se."

Não saberia dizer o que aquele garoto de olhar tão frio e misterioso provocava em seu interior. Sabia a quem amava, sabia quem desejava ter ao seu lado. Mas... bastou um trabalho de Geografia para que já não tivesse certeza de nada. Lautaro sempre a tinha desprezado, então, por que agora insistia em estar por perto? Por que se aproximava daquela maneira tão intensa e possessiva? Quem, na realidade, era o nerd da classe, o rapaz de quem a turma debochava e parecia não se importar com insulto algum? E por que seu coração disparava cada vez que ouvia o som da sua voz e sentia o toque de sua pele? 

"Eu te beijei porque gosto de você. - inclinou-se e roçou seus lábios, provocante - Gosto muito. - um beijo suave - Muitíssimo. - outro mais - Estou louco por você, Camila."

- Nunca julgue um nerd pela capa! Tudo bem, a frase correta é "nunca julgue um livro pela capa", mas o sentido é o mesmo. :D Sério, gente! Que nerd mais maravilhoso a FB nos apresenta nesta história! Teve horas que me senti mal, pois eu amava o Lautaro com todas as minhas forças e ele só tinha dezesseis anos.kkkkkkk... Será que isso é pecado?!rsrs Mas o que posso fazer se a FB faz qualquer leitora se apaixonar por ele, independente de sua idade? A culpa não é minha, claro! É toda da autora! Nossa! Quando o Lautaro olhava para a Camila... eu própria sentia calor. Ele era um adulto com idade de adolescente. Seus olhares, seu comportamento, a intensidade do seu amor pela Camila, seu jeito controlador e possessivo, seus ciúmes... eu amava tudo nele. Absolutamente tudo! E torcia muito para que nossa mocinha percebesse que ele havia sido feito para ela e não o musculoso estúpido pelo qual ela achava que estava apaixonada. Porque o que ele tinha de músculo faltava de cérebro.rsrs E claro que inteligente e madura do que jeito que era, a Camila não demora nada a se dar conta da confusão de sentimentos que o Lautaro provocava em seu interior. Do quanto desejava sentir seus lábios, seu toque... simplesmente estar com ele. Em cada momento. 

"Você é tudo para mim."

- Quando comecei a leitura, eu não tinha muita certeza do que iria encontrar. Sabia que era um romance juvenil e que se tratava do início de uma série com personagens que nasceram sob determinados signos. Mas nada foi como eu imaginava. O livro me prendeu ainda nas primeiras páginas, me envolvendo com a história da Camila, fazendo com que eu me apaixonasse pelo jeito calado e misterioso do Lautaro e me divertisse com a confusão que era nossa protagonista. Sem falar de como me emocionei e suspirei com a história de amor entre esses dois. São tão lindos juntos! Cada vez que se beijavam, que diziam o que sentiam, daquela maneira tão espontânea e verdadeira, eu sonhava acordada aqui, como sempre acontece quando leio os livros da FB. É completamente impossível não amar este casal. Mas é óbvio que isso não significa que não passei raiva. Houve um momento que jurei que mataria o Lautaro com minhas próprias mãos! 

Camila é uma menina de apenas 15 anos quando a história começa. Ela é do signo de touro e nunca tinha se fixado muito em astrologia até ir à casa de sua vizinha entregar uma correspondência. Logo que entra naquele lugar, percebe que todo um mundo novo se apresenta, algo que a fascina, atrai... que a faz querer estar sempre ali. Assim, seduzida pela oferta de emprego como babá do filho da tal vizinha, Camila começa a passar longos momentos naquele ambiente, conhecendo mais sobre si mesma e permitindo-se crescer como pessoa e aceitar-se como era. 

Nossa protagonista era cheia de complexos. Tinha uma autoestima muito baixa, julgando-se inferior a todos, o que aumentava sua timidez e fazia com que os outros a vissem como alguém metida e mantivessem distância. Ela odiava o próprio corpo, pois se considerava gorda e esquisita, alguém por quem garoto algum seria capaz de interessar-se. E estava tão preocupada em se autocriticar que não enxergava o quanto era bonita e inteligente. Somente quando começa a frequentar a casa da vizinha e aprender sobre a personalidade das pessoas nascidas sobre o seu signo, inicia o processo de aceitar a si mesma e enxergar-se pelo que era e não como acreditava ser. Só que nada acontece da noite para o dia, é claro. 

É muito interessante acompanhar a luta da Camila com ela mesma. A maneira como ela se via, como se criticava, como preferia acreditar que não era ninguém e que pessoa alguma seria capaz de amá-la, se importar com ela. Camila é uma pessoa comum, é gente como a gente, sabe? E isso apenas aumenta o nosso carinho por ela e envolvimento pela história. Ela é uma personagem que queremos proteger, que desejamos sacudir para forçar a ver como era preciosa e querida por tantas pessoas. E quanto mais a conhecemos mais a amamos e torcemos para que ela vença os obstáculos que construiu ao seu redor para poder ser feliz ao lado do garoto que a amava e não estava nada disposto a deixá-la escapar. 

" - Não tenho medo de nada, Camila. Sou ferozmente protetor do que é meu. E você é minha."

- O que posso falar do Lautaro? Suspiros! Ele é um rapaz de dezesseis anos, que não é considerado "belo" por nenhuma pessoa que o conheça (talvez só por sua mãe e irmã) e que estava mais do que acostumado a sofrer bullying de seus colegas de turma. Eram muitos os apelidos que usavam para debochar dele, sobretudo o garoto mais popular do colégio, Sebastián, que parecia apreciar particularmente cada momento de implicância e deboche. Mas nada o atingia, para frustração de seus perseguidores. Calado, de olhares capazes de fazer gelar o sangue da pessoa mais calma, ele mantinha-se distante das provocações, nunca mostrando qualquer sinal de alteração. E, por mais incrível que pareça, ele realmente não se importava. 

Lautaro é um personagem complicado e irresistível. Como posso explicar? Não sei!kkkkk Ele é único, sabe? Não é belíssimo como os mocinhos da autora costumam ser! Na verdade, pela maneira como o descrevem, ele nem sequer chega a ser bonito fisicamente. No entanto, algo nele causa atração. Existia em Lautaro uma força, uma energia capaz de seduzir. Era o garoto mais inteligente do colégio, o que estava sempre em primeiro lugar, mas não era um nerd típico, não era tímido e introvertido. E se preferia o silêncio era porque não se dava ao trabalho de desperdiçar palavras com pessoas idiotas.rs Ele sabia o que desejava, a quem amava e quando decide lutar por ela não mede esforços para mostrar-lhe exatamente o que sentia. E nesses momentos... Deus do céu! Que mocinho!rs

"É você que eu amo. Com toda minha alma."

- Lautaro é um dos melhores mocinhos que já conheci. Ele é uma pessoa maravilhosa sem nem tentar ser. Tudo nele era natural. Fazia as coisas da maneira que queria sem se importar com a opinião dos outros. Não dava a mínima para o que achavam dele ou para as provocações infantis de seus colegas. E ao amar... era capaz de tudo pela mulher amada. Sabe aqueles detalhes que muitos homens não percebem? Ele percebia. Era terno, capaz de gestos emocionantes. Era paixão, levando a mocinha ao limite e fazendo-a perder o fôlego (e nós leitoras também). E não nega para ninguém o quanto é possessivo e ciumento, querendo a Camila só para si, enfurecendo-se apenas com o fato de alguém se atrever a olhar para ela!kkkkkkk... E ai daquele que a tocasse! Estaria assinando sua sentença de morte.rs Porque ele podia não ser musculoso como Sebastián... Na verdade, é um rapaz magro, aparentemente inofensivo. Isso até alguém entrar numa briga com ele. :D 

"[...] Sinto que algo rompeu-se para sempre entre nós, algo que não se pode reconstruir."

Mas é claro que nem tudo são flores nesta história. Lembrem-se que se trata de um livro da Florencia, nossa querida autora sádica. É claro que ela aprontaria das suas, fazendo o casal sofrer e sentir que tudo estava perdido. E foi aí que comecei a passar raiva. E quis assassinar o Lautaro, esquecendo-me do fato que o amava. 

Os mocinhos dessa autora têm o péssimo defeito de apreciarem "dois pesos, duas medidas". "Você não pode conversar com fulano de tal, você não pode isso, não pode aquilo. Mas eu posso, é claro. Por que não poderia?" Ou seja, tudo o que eles achavam que as mocinhas não podem fazer, eles faziam. Se visse o Sebastián a dez metros de distância da Camila, o Lautaro já se irritava. Mas não via problema algum em manter garotas perto dele, pois era ela quem ele amava e jamais se interessaria por nenhuma outra. Será que a Camila não era capaz de ver isso? Argh! Mas se fosse só isso, gente! Houve determinado momento da história em que um segredo muito importante foi revelado e que desencadeou a separação do casal e fez os dois viverem os tormentos do inferno, um de cada lado. Entendi completamente as atitudes da Camila... ela tinha motivos para sentir-se daquele jeito, para estar furiosa e querer explicações. Foi o comportamento do Lautaro que fez meu sangue ferver, que me decepcionou e feriu. Não esperava algo assim dele. Não esperava mesmo! Fiquei tão furiosa com as atitudes dele que desejei com todas as minhas forças que a mocinha ficasse com outro, que desse uma chance para o Sebastián, por mais que eu não simpatizasse muito com esse cérebro de enfeite. Tudo o que eu queria era que ela fizesse aquele escorpião filho da pontualidade (para não dizer outra coisa) provar do próprio veneno. 

"[...] Por que está fazendo isso comigo, Lautaro? Não percebe que está matando-me?"

- Acompanhar o sofrimento da Camila me fez sofrer também. E cada nova coisa que o cretino fazia aumentava a minha raiva! Cheguei a não desejar mais que os dois ficassem juntos, ainda que simplesmente pensar nisso partisse meu coração. Mas eu estava tão furiosa! Só que as coisas vão se resolver, não se preocupem! Lautaro se comporta como um cafajeste, mas se arrepende dos seus erros e nos recompensa por tudo o que nos faz passar. Não, eu não perdoei o que ele fez. Mas acabei perdoando a ele, no fim das contas.rs 

Eu poderia passar horas e horas falando da história. Todavia, acredito que já falei demais. Não contei o livro inteiro nem nada. Na verdade, não dei spoiler algum, o que é um milagre. Recomendo muito esta história, gente! Sem pensar duas vezes! É um livro maravilhoso, que nos envolve, nos encanta, nos faz sonhar acordadas e passar a raiva necessária. :) Devorei cada página, ansiando sempre por mais. Foi incrível conhecer a maior parte dos personagens desta história e não acreditei quando soube quem seriam os protagonistas do próximo livro! Estou aqui morrendo de vontade de ler logo a segunda história! Será que simpatizarei com o Sebastián no livro dele?! Pois é. O implicante deste livro aqui será o protagonista da segunda história. Ele realmente mudou bastante com o passar do tempo e cheguei a sentir carinho por ele, mas nunca imaginaria que a autora fosse escrever sua história. Mas por que me surpreendo? O protagonista de Marlene, meu amado Carlo, era um cafetão e mesmo assim se tornou um dos mocinhos que mais amo nesta vida. 

"- Fiquemos os dois - suplicou-lhe e Gómez a abraçou, cheio de ternura - Lautaro, não me importa morrer, se estou com você."

- Nacida Bajo el Signo del Toro ainda não existe em português, apenas em espanhol. É provável que logo, logo seja lançado em Portugal, pois alguns livros da autora já foram lançados lá. Sonho com o dia em que alguma editora daqui tenha a inteligência de publicar as histórias da FB, em vez de ficar lançando certas "coisas" que insistem em publicar. 

O título do livro, sinopse e trechos foram traduzidos de maneria amadora por mim. Não estão perfeitos, pois não sou nenhuma especialista, mas fiz com todo carinho. :) 

Esta foi minha segunda leitura para a Maratona Literária de Inverno 2017. O livro preenche o Desafio 1: ler um livro com a capa azul. Agora restam sete desafios, sete livros. Continuem me desejando sorte!kkkkkkkkk... 

Vale mencionar que através deste livro eu conheci uma música linda. Insensitive, da Jann Arden. Passei boa parte da leitura ouvindo essa música, pois ela é o tema do casal da história. Os dois são apaixonados por ela! :)

2 comentários:

Anônimo disse...

Meu Deus que resenha incrível! Só me fez ficar babando ainda mais por esse livro. Eu estou louca para lê-lo. Haha ainda mais por que sou de Touro.Quando fiquei sabendo deste livro confesso que desanimei por terem dois caras na mira da mocinha,porém com sua resenha eu fiquei ansiosa. Infelizmente não tem traduzido,espero que algum grupo possa traduzir,pois as editoras ainda não descobriram a nossa sádica Florência haha e eu achando que não poderia ter alguém perto do Nahuel!

Luna disse...

Muito obrigada! :)

Fico feliz que tenha ficado ainda mais louca para ler o livro! :D E torço muito para que isso aconteça logo! Temos que fazer pressão para as editoras daqui publicarem a FB! Não entendo por que ainda não fizeram isso se os livros dela são maravilhosos! As editoras são lentas demais, sinceramente! Uma autora como a Florencia já era para estar sendo publicada no Brasil há muito tempo.

kkkkkkk... Estou ansiosa para que a FB escreva uma história sobre o meu signo também.rsrsrs O próximo lançamento dessa série será sobre o signo de Áries. Ainda não foi dessa vez que ela escreveu sobre o signo de câncer.rsrs

Postar um comentário

Seus comentários são sempre bem-vindos!

Porém, existem duas regras:

1º Comentários cujo ÚNICO objetivo seja divulgar seu blog, um sorteio ou algo do gênero, serão excluídos;

2º Comentários ofensivos também serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog, basta mandar um email para luna.emocoes_leitora@hotmail.com e eu responderei o mais rápido possível.